Procrastinação: Inimiga da Produtividade

Você tem dificuldade em finalizar as suas tarefas?

Adiar atividades é cada vez mais frequente no seu dia a dia?
Você se sente pouco produtivo ou incapaz de realizar determinadas tarefas?

Se as respostas das perguntas acima foram “sim”, fique atento: você pode ser um procrastinador.

Quem nunca ouviu a frase “nunca deixe para amanha o que você pode fazer hoje”? Tenho certeza que ninguém leva essa frase diariamente ao pé da letra. Agora, se você a substituiu por “nunca faça hoje o que pode fazer amanhã”, tome cuidado, você provavelmente é um procrastinador.

Em resumo, procrastinar é o ato de adiar o maior número de tarefas possíveis – e isso é totalmente improdutivo! E tudo acaba naquele dia de “loucura” no qual você precisa desesperadamente concluir as atividades que foram lhe dadas há muito tempo.

Caso tenha se identificado, seguem agora algumas dicas para parar de procrastinar e tornar-se mais produtivo.

Pequenas metas

Dê o primeiro passo: comece por definir metas diárias ou semanais, micro objetivos como definir prazos para cada atividade e não deixar de cumpri-los. Inicie com metas simples e comece a experimentar o sabor de chegar ao final do dia, ou da semana com sua meta cumprida.

Defina cronogramas e hierarquias

Toda rotina, seja ela profissional ou pessoal, costuma ser recheada de atividades repetitivas. Defina claramente qual a importância de cada atividade e monte um cronograma de execução. Uma técnica interessante é “pontuar” cada atividade pelo nível de complexidade, urgência e prazo, definindo esse “rankeamento” ficará muito mais simples desenhar uma estratégia.

Fortaleça seu senso de continuidade

Sempre que aquela vontade de “deixar pra amanhã” bater em meio à execução de uma atividade, lembre-se de fortalecer seu senso de continuidade, ou seja: não desista, por mais complexa, chata, maçante que seja a atividade, ela terá de ser feita. Continue, vá em frente, não se deixe vencer.
Quando você notar que esse esforço resultou em ganhos de desempenho, em melhora de performance, a sensação de “agonia” em ter que concluir a atividade se transformará na energia que lhe moverá até a conclusão da mesma.

Imprevistos ocorrem

Se em meio a alguma atividade um imprevisto ocorrer: resolva! E volte ao foco. Pequenos imprevistos são comuns no dia a dia empresarial. Respire, resolva o problema e volte à sua atividade, tarefas não previstas costumam ser a maior desculpa para procrastinar.

Ferramentas de gestão

Por fim, procure ferramentas de gestão que lhe auxilie. Diante da necessidade de gerenciar e concluir suas atividades, é de extrema importância que utilize alguma ferramenta que otimize e ajude a organizar suas atividades. Softwares de gestão de atividades costumam disponibilizar funcionalidades que, além de mostrar visualmente a evolução das suas atividades, avisam o usuário sobre vencimentos, e também disponibilizam estatísticas que ajudarão você a acompanhar sua evolução em busca da não-procrastinação.